domingo, 17 de setembro de 2006

As corridinhas e o "lindo resultado"!!!


Pois é, estou lixado da vida!! E com um grande "PH" de Farmácia!!! A culpa é toda das banhas!! Se não fossem elas eu não me sentia na obrigação de fazer dieta e exercício físico!!

Se não fossem as p***s das banhas não me tinham assaltado o carro na passada terça-feira!! Essa é que é a grande verdade!

Pois é, pela primeira vez na minha [curta] vida soube qual era a sensação de ser vítima de um assalto... E não gostei! Odiei mesmo! Acho que se tivesse ali o malvado, o cabr**, o filho-da-p**a... dava-lhe um enxerto de porrada que lhe punha o nariz a cheirar as partes "pudibundas" durante 3 meses! Que raiva!!!

Pois é, como sempre, eram 20h30 e lá fui iniciar mais uma sessão de corridas e exercícios, a ver se esta pança, mais digna do Sancho que de mim, desaparece ou reduz... E ontem até tinha corrido tão bem... Sete voltas à pista, cinquenta abdominais, dez flexões de braços, uns quantos esticanços (seja lá isso o que for...) e mais uns quantos exercícios dos quais não me apetece agora falar porque me apetece contar-vos o sucedido e falar mal do cabr** do ladrão!

Eis que chegámos ao carro, eu e a Xana, e tudo parecia bem... De repente, entro no carro e acho que o tapete do lado dela está muito sujo... Sou tão estúpido!!

Sujo?! Eram vidros, ó anormal!! Cabeça de fósforo!! Ringue de patinagem para moscas!! Aeroporto ambulante!! Caiu-te o cabelo, ficaste estúpido, não?!

De repente, apercebo-me do que aconteceu e abro o porta-luvas... Lá se foi ele... Nem um ano tinha ainda... E tinha todos os meus contactos... Meu rico telemóvel... contactos... fotografias... anotações... enfim, tudo!!

De repente... Ah, o meu telemóvel... Ora bem, não levaram apenas um, mas sim dois telemóveis novos!!! Que bem lhes correu o assalto, os filhos-da-p**a!!!! Grrrr

Nisto apercebo-me do óbvio... o auto-rádio! Tão lindinho e queridinho que ele era, até tinha uma rodelinha que era o botão do volume... e tinha leitor de CD's e tudo... Não tinha marca mas isso também não interessa nada, não é?!

Mas disto eu tive a culpa!! Nunca lhe tirava o painel frontal... Foi o chamariz e, depois, já que estavam dentro do carro, aproveitaram para "dar uma geral". Correu-lhes muito bem. Não contentes com dois telemóveis e com um auto-rádio, ainda se deram ao trabalho de rebater o banco de trás e roubar a mala das ferramentas que eu tinha lá atrás...

[com isso bem tiveram azar, um monte de ferramentas velhíssimas, que já eram do meu Datsun 1200... eheheh]

Mas foram uns queridos, sabem?! A sério... Não acreditam?! Então leiam até ao fim, falta pouco.

Por norma, sabem o que levo para a pista, além do telemóvel?! O Bilhete de Identidade. E perguntam vocês "então mas se levas o carro, não levas a carta e a restante documentação do carro?!" E eu respondo-vos com a maior vergonha "não... não levo... porque isso já anda [andava] sempre dentro do carro..."

Vêem como eles foram uns queridos?! Deixaram lá isso tudo... E olhem que um Bilhete de Identidade vale umas boas centenas de contos, ou seja, uns milhares de euros para permitir a entrada de um qualquer imigrante ilegal.

Portanto, estou a ponderar seriamente fazer-lhes uma espera... para lhes agradecer a simpatia deles!

Dêem-me a vossa opinião...

[Raios partam as corridas!!! Grrrr!! Grrrr!! ]

1 comentário:

Jú disse...

Bem essa é que eu não gostava que me tivesse acontecido. Se bem que com o meu carro eles davam-se bastante mal. Nunca deixo lá nada dentro e além disso o rádio é mesmo do carro nem sai. Mas acredito que tenha sido bastante frustrante para ti. Se precisares de ajuda para dar uma coça já sabes. O que não faltam são espingardas cá em casa. Lol. Bjinho***